sexta-feira, 22 de março de 2013

22 de março mais um dia para reflexão ou ação?

No dia 22 de março instituições públicas, privadas ONGs e OSCIPs se reunem em torno da tema "Cooperação pela Água" uma vez que esse ano de 2013 foi definido pela ONU como ano internacional de Cooperação pela Água (página oficial em Inglês:http://www.unwater.org/).
Todo dia é dia de cooperar, de refletir de agir em qualquer nível pela preservação dos nossos recursos hídricos. Se a disponibilidade é menor que a demanda o tema Preservação da Água será mais pertinente a cada ano. Destaco no post de hoje alguns objetivos, estratégias e mensagens divulgados pela UNESCO (http://www.unesco.org/new/pt/brasilia/about-this-office/single-view/news/unesco_launch_of_the_international_year_of_water_cooperation_2013_in_brazil/)
Objetivos e mensagens principais do Ano Internacional da Cooperação pela Água
O Ano Internacional da Cooperação pela Água encoraja partes interessadas nos níveis internacional, regional, nacional e local a agir em prol da Cooperação pela Água. A campanha irá gerar um momentum para além do Ano em si; haverá por todo o mundo esforços de conscientização quanto ao potencial e aos desafios da cooperação pela água que facilitarão o diálogo entre atores e promoverão soluções inovadoras para a manutenção da cooperação pela água.
A Campanha Cooperação pela Água 2013 terá como foco cinco objetivos estratégicos: 1. Conscientizar sobre a importância, os benefícios e os desafios da cooperação em questões relacionadas à água; 2. Gerar conhecimento e construir capacidades em prol da cooperação pela água; 3. Provocar ações concretas e inovadoras em prol da cooperação pela água; 4. Fomentar parcerias, diálogo e cooperação pela água como prioridades máximas, mesmo após 2013; 5. Fortalecer a cooperação internacional pela água para abrir caminho para os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável defendidos por toda a comunidade que trata sobre água e atendendo às necessidades de todas as sociedades.
A quatro mensagens principais da campanha são:
*A cooperação pela água é crucial para a erradicação da pobreza, a igualdade social e a igualdade de gênero O acesso à água potável é a fundação para a realização das necessidades básicas humanas e contribui para o alcance de todos os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio. A governança inclusiva e participativa da água e a cooperação entre diferentes grupos podem ajudar a superar a desigualdade no acesso à água e assim contribuir para a erradicação da pobreza e para a melhoria das condições de vida e chances de educação principalmente de mulheres e crianças. *A cooperação pela água gera benefícios econômicos Todas as atividades econômicas dependem da água. A cooperação pode levar a um uso mais eficiente e sustentável dos recursos hídricos como, por exemplo, por meio de planos de manejo compartilhado que criam benefícios mútuos e melhores padrões de vida. *A cooperação pela água é crucial para preservar os recursos hídricos e proteger o meio ambiente A cooperação pela água fomenta o compartilhamento de conhecimentos sobre os aspectos científicos da água incluindo troca de informação e de dados, estratégias de manejo e melhores práticas e conhecimentos sobre o papel da água na preservação de ecossistemas, fundamental para o desenvolvimento sustentável.
*A cooperação pela água constrói paz O acesso à água pode ser fonte de conflito, mas também é um catalisador de cooperação e construção da paz. A cooperação por uma questão tão prática e vital quanto o manejo da água pode ajudar a superar tensões culturais, políticas e sociais, e pode criar confiança entre diferentes grupos, comunidades, regiões ou estados.
Vamos Cooperar? Reciclar é Bacana
domingo, 12 de junho de 2011

Dia dos namorados sustentável!

Olá mais uma vez,

O dia dos namorados está quase no fim, como foi a troca de presentes?
Pensaram num consumo consciente?
Presentear e se presenteado é sempre bom, mas devemos pensar sobre o impacto que estamos causando ao meio ambiente e consequentemente a nós mesmos.

Portanto, trago hoje algumas novidades de presentes sustentáveis que geram menos impacto ambiental, são mais eficientes, ou são feitos a partir do reaproveitamento de outros materiais.

Para quem ainda não presenteou ou para os solteiros que pretendem presentear amigos, amigas, mães, pais, e demais em outras ocasiões.

Lembro ainda da importância em valorizar empresas que pensam no meio ou ONGs que visam o carácter social.

Algumas opções de presente:



Case para laptop reciclada


Carregador solar para aparelhos eletroeletrônicos


Ecobag fashion


Pulseira feita com tecidos reaproveitados


Revisteiro feitos de revistas e jornais


Agenda feita com materiais reciclados


Camisetas feitas de garrafas PET, onde 50% do valor é doado para um projeto preservação da Mata Atlântica (Eu tenho uma, a qualidade é ótima) =)

Além de mais criativos, estes presentes não são tão difíceis de encontrar e a maioria
são entregues em casa, mas procurem na sua região, bairro ou cidade, valorizem os projetos locais.

Créditos:
http://exame.abril.com.br
http://www.vivaoamanhamaisverde.com.br/

Continuem acompanhando!
Até
domingo, 5 de junho de 2011

05 de junho- Dia do meio ambiente e Ecologia

Olá!

Em 05 de junho de 1972 a exatamente 39 anos esta data foi destinada a comemorações, reflexões, discussões e atividades ligadas ao meio ambiente e a ecologia.

A data é importante devido às discussões que se abrem sobre a poluição do ar, do solo e da água; desmatamento; diminuição da biodiversidade e da água potável ao consumo humano, destruição da camada de ozônio, destruição das espécies vegetais e das florestas, extinção de animais, dentre outros.

Mas devemos relembrar da nossa relação cotidiana com o meio ambiente, como estamos lidando com os recursos? O nosso consumo tem sido moderado e consciente?
Com ações simples e diretas, podemos minimizar nossos impactos e assim oferecer
nossa contribuição para meio ambiente menos poluído, menos degradado.

E por falar em ações...
No dia 04 de junho, levei a oficina de reaproveitamento de OGR (óleos gorduras usado) ao XI Encontro Regional dos Povos do Cerrado em Pirapora- MG.
Foi uma oportunidade de trocas de experiências e muito aprendizado, foi
muito válido e muito bom ter conhecido a todos.
Pessoal do ITCP, da UNIMONTES, UFMG, Cooprarte, Comunidades, feirantes e demais espero ter passado um pouco do meu conhecimento para vocês.

Algumas imagens:









Aqui está a página p ara acessarem o vídeo que mostrei na oficina:

http://g1.globo.com/videos/acao/v/mudanca-de-atitude-pode-significar-qualidade-de-vida-e-geracao-de-recursos/1496967/#/edições/20110430/page/1

Reciclar com vocês foi muito Bacana!

Até breve!
terça-feira, 28 de setembro de 2010

Reciclar no Projeto Biotemas é bacana!

Olá Pessoal!

A oficina: Educação Ambiental a partir da reciclagem de óleo de cozinha usado estará no
Projeto Biotemas na Educação Básica nos dias : 28, 29 e 30 de setembro.
Na oportunidade a equipe formada por : Marielle Costa, Geysa Cristiane, Angra Santos e Fabiana Silva estarão reciclando com os alunos do ensino Fundamental e Médio.



Esperamos que esta seja mais uma oportunidade de divulgar a idéia da reciclagem e promover a consciência ambiental.

O projeto que já está na sua 7º edição procura promover a integração entre escola e Universidade, então nada melhor que nos unirmos busca da consciência ambiental não é mesmo?

Mais informações acessem: http://www.cch.unimontes.br/biotemas/index.php/projeto-biotemas

Até!
terça-feira, 21 de setembro de 2010

A revista Biodiesel Br é Bacana

Gostaria de apresentar a revista não como a principal fonte de informações, mas como a mais voltada para o público que se interessa pela temática ou mesmo quer conhecer sobre o assunto.
Este edição enfoca a reciclagem de óleos e gorduras residuais- OGR e seu enorme potencial para atender as usinas. Esta matéria-prima também pode entrar em sua era de ouro com o biodiesel.



Nas oportunidades que tive para abordar a reciclagem percebi que algumas pessoas não sabem de onde surgiu essa temática entendem que este é um assunto novo e sem experiências práticas, portanto, falho em sua aplicação ou estudos de caracter científico.
Como a internet também é uma fonte de esclarecimentos e informação, tentarei através desta mídia ,com as postagens posteriores, prestar este tipo de serviço.Este é também um dos meus objetivos na pesquisa que está em andamento.

Para quem quer saber mais vale prestigiar o Fórum de Ensino, pesquisa, extensão e gestão da Universidade Estadual de Montes Claros. No dia 24 de 14:00 ás 17:00 estarei apresentando o trabalho: Educação Ambiental: Relato de experiência a partir da reciclagem de óleos e Gorduras Residuais.

Para mais informações:
http://www.fepeg.unimontes.br/index.php/eventos/forum2010

E não se esqueçam:
Reciclar é bacana.
terça-feira, 7 de setembro de 2010

-- Reciclagem de Revistas



Reciclar revistas é bacana e excelente!


Tinha outra idéia para este post, mas ao encontrar esta matéria no http://planetasustentavel.abril.com.br/blog/redacao/118790_post.shtml
Fiquei encantada!
Vejam só:

Esse é o mote da campanha ReMix - Recicling Magazines is Excelent!*, um movimento norte-americano que incentiva as pessoas a reciclarem suas revistas e catálogos. É que, de acordo com uma pesquisa feita pela Time Inc. e a Verso Paper, enquanto 95% das revistas que não são vendidas vão para a reciclagem, apenas 17% das que chegam à casa dos leitores não são destinadas ao lixo comum.

A pesquisa também apontou que, apesar de as pessoas estarem bastante acostumadas a reciclar jornais e outros papéis que usam em seu dia-a-dia, o mesmo não acontece quando se tratam de revistas, catálogos e listas telefônicas.

A campanha faz parte do planejamento de gestão de resíduos sólidos da cidade de Nova York, obteve o apoio de diversas mídias e alcançou outros estados do país. Com mensagens espalhadas por todos os lados para conscientizar os cidadãos, a idéia é que a quantidade de papéis reciclados nos Estados Unidos, que hoje é de 53,4%, aumente ainda mais.

Além de diminuir o volume de lixo no mundo, reciclar papéis ajuda a reduzir as emissões de metano – produzido no processo de biodegradação nos aterros sanitários – e de CO2. Cada tonelada de papel que deixa de ir para os lixões evita a emissão de 1,2 tonelada de gases de efeito estufa.


* ReMix – Recicling Magazines is Excelent!

Por isso, quando você for fazer aquela arrumação e decidir jogar fora revistas e outras publicações, se não puder doá-las para bibliotecas públicas, escolas e abrigos (como as leitoras da revista Ana Maria), ou não tiver talento para fazer belíssimos quadros com colagens (leia Recortar e recriar: a arte de Sílvio Alvarez e Cola, tesoura e inclusão social), lembre-se, ao menos, de depositá-las em estações que fazem a coleta seletiva do lixo e as encaminham para a reciclagem.


Veja as maravilhas que Sílvio Alvarez produz:
http://www.flickr.com/photos/silvioalvarezcollage/page2/
sexta-feira, 27 de agosto de 2010

SWU- Fórum para discutir sustentabilidade + música

Seguinte, eu me engajei no SWU, um movimento para despertar a consciência de que pequenas atitudes geram grandes mudanças e que começa com você. A ideia é justamente mostrar a diferença que cada um pode fazer para que tenhamos um mundo sustentável.

Participar é muito fácil. Acesse o site www.swu.com.br e receba dicas diárias de pequenas mudanças que podemos fazer na nossa rotina.

O movimento oferece formas de engajamento por meio do Facebook, Twitter e Orkut, além, claro, do portal.

É simples, fácil e efetivo.

Eu já comecei. Comece você também.




Não é só de boa música que será feito o SWU. O movimento trará também para os seus participantes, ao longo dos três dias de duração do evento, o Fórum Sustentável, palco onde especialistas, pensadores, empresários e representantes de entidades não-governamentais discutirão com o público alguns dos principais temas da sustentabilidade no século 21.

Sob curadoria de Kate Dhoring, criadora da organização filantrópica Wealth Living and Giving, convidados nacionais e internacionais farão palestras durante o Fórum que serão depois debatidas com convidados especiais e o público.

Os debates serão realizados sob uma grande tenda montada dentro do espaço do festival. Quem estiver de fora poderá acompanhar o Fórum em tempo real através de telões que estarão espalhados pela arena e interagir com os participantes mandando perguntas via SMS e Twitter.

Durante os três dias serão abordadas questões como Negócios Sustentáveis (desenvolvimento de produtos e economia verde), Inclusão e Minorias (o papel das mulheres, dos grupos regionais e outras minorias e o trabalho social em comunidades), Jovens e Meio Ambiente (como a geração do futuro pode contribuir, desde já, para a construção de um mundo sustentável).

2013- Ano internacional de cooperação pela Água

2013- Ano internacional de cooperação pela Água

L A Y O U T


Art do blog: Grazi Maia

Total de visualizações de página

Um pouco sobre mim:

Minha foto
Marielle Costa
Varginha, MG, Brazil
Nasci e fui criada no Norte de Minas, mas atualmente moro em Varginha-MG.Sou professora de Geografia graduada pela Universidade Estadual de Montes Claros com especialização em Meio Ambiente e Desenvolvimento Regional também pela UNIMONTES. Já realizei pesquisas sobre temáticas como Ensino da Geografia, Meio ambiente e geografia,impactos ambientais dos OGR, reaproveitamento de OGR, Biocombustíveis, relação homem e Meio Ambiente e Arranjos Produtivos Locais.
Visualizar meu perfil completo

O que vc faz com o óleo de cozinha após o uso?

Postagens populares

lista de blogs